Casamentos memoráveis

O casamento da Rainha Victoria trouxe novas tradições e mudou a forma de celebrar.

Nós sabemos que o estilo de se celebrar o casamento, pode ser diferente em muitas culturas diferentes, mas algumas tradições começaram a partir do casamento da Rainha Victoria.

Antes vamos fazer uma introdução de quem foi a Rainha Victoria.

A Rainha Victoria governou a Inglaterra por sessenta e quatro anos e esse período foi chamado de Era Vitoriana. Victoria amava estudar e além do inglês, falava fluentemente francês e alemão. Apaixonada pelas artes, tocava piano e pintou até os seus setenta anos, mas a sua contribuição para a mudança das tradições em casamentos reverbera até hoje. 

  • Amor em primeiro lugar 

Victoria foi uma rainha cortejada por muitos pretendentes, mas ninguém imaginava que quem ganharia seu coração, seria Príncipe de Saxe Coburgo Gotha Albert que também era seu primo (uniões comuns naquela época). 

Nesse período os casamentos funcionavam como contratos com o objetivo de manter laços familiares e interesses políticos, o amor não era um objetivo, mas para Victoria o amor falou mais alto.

 “Ele é extremamente bonito; seu cabelo tem a mesma cor que o meu; seus olhos são grandes e azuis, e ele tem um lindo nariz e uma boca muito doce com belos dentes; mas o charme de seu semblante é a sua expressão, a mais deleitável”. Diário da Rainha Victoria

  • Anel de noivado 

Não era comum o uso de anel de noivado, mas como quem fez o pedido de casamento foi a Rainha Victoria, Albert quis presentear a amada com um anel, começando assim a tradição que existe até os dias de hoje. 

  • Vestido de noiva branco 

Como a confecção de uma roupa era algo extremamente demorado e manual naquela época, quando uma noiva escolhia o seu vestido, ela optava por alguma cor que gostasse muito, a fim de poder usá-lo novamente em outras ocasiões.